H

H

8 de Outubro de 2011

Panteão Real da Dinastia de Bragança

A Leila (6.º 5) tem o apelido Bragança. Talvez por isso, a sua curiosidade em saber onde estavam sepultados os reis da 4.ª dinastia, a de Bragança.

A maioria dos reis e infantes da 4.ª dinastia está sepultada no Panteão Real da Dinastia de Bragança, situado no Mosteiro de S. Vicente de Fora (Lisboa), na grande sala que era o seu antigo refeitório e que foi adaptado.

Convento de S. Vicente de Fora
Panteão é o nome dado ao edifício em que se depositam os restos mortais de pessoas ilustres.

Panteão da Dinastia de Bragança
Ao centro, o túmulo de D. Manuel II, último rei de Portugal
Os túmulos são, na sua maioria, gavetões de mármore dispostos ao longo das paredes da sala.
Destacam-se, por serem diferentes, os túmulos de D. João IV (o primeiro rei da 4.ª dinastia), de D. Carlos I e da sua mulher, a rainha D. Amelia de Orleães, do príncipe herdeiro D. Luís Filipe (que não chegou a governar por ter sido assassinado, em 1908) e de D. Manuel II (o último rei de Portugal).

Túmulo de D. João IV, o fundador da dinastia de Bragança
Os únicos reis da dinastia de Bragança cujos restos mortais não estão no Panteão são D. Maria I (sepultada na Basílica da Estrela, em Lisboa) e D. Pedro IV, que foi transladado para o Brasil, por ter sido o primeiro imperador do Brasil.

O Panteão pode ser visitado, estando incluído na visita ao Convento de S. Vicente de Fora.

Sem comentários:

Enviar um comentário