H

H
150 anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal (1867-2017)

7 de outubro de 2011

Monumento aos Restauradores

Na conclusão da correção da Ficha de Avaliação de Diagnóstico, na turma do 6.º 5 falámos da Guerra da Restauração e do Monumento dos Restauradores. Aqui ficam os textos que prometi.

Numa das principais praças de Lisboa, Praça dos Restauradores, foi construído um monumento aos restauradores da independência de Portugal, em 1640.

Nesse monumento estão inscritos os nomes das principais batalhas da Guerra da Restauração, guerra que acabou por durar 28 anos, de 1640 a 1668.

Se os espanhóis tivessem atacado de imediato, teria sido difícil Portugal defender-se, por ainda não estar militarmente preparado. Mas a Espanha estava envolvida na Guerra dos Trinta Anos e noutros confrontos. Assim, o primeiro grande ataque dos espanhóis deu-se apenas em 1663, já no reinado de D. Afonso VI.
Os portugueses venceram uma série de recontros importantes, destacando-se as batalhas do Ameixial, em 1663, de Castelo Rodrigo, em 1664, e de Montes Claros, em 1665.
Antes disso, já tinham ganho os recontros de Montijo, em 1644 e das Linhas de Elvas, em 1659.
Em 1668, a Espanha reconheceu definitivamente a independência de Portugal.



Sem comentários:

Enviar um comentário