H

H
A imagem faz parte de um livro publicado no ano de 1647, por J. Blaeu (um importante cartógrafo holandês), em que está desenhado um conjunto de mapas do nordeste brasileiro, então ocupado pelos holandeses, decorados com cenas da vida quotidiana. A cena que apresentamos representa uma fazenda brasileira produtora de açúcar, na zona de Pernambuco.

23 de abril de 2017

Mosteiro de Alcobaça - o papel cultural

S. Bernardo

«O equilíbrio conseguido, na mensagem cisterciense, entre a vida de oração, o trabalho físico e a leitura constituiu uma das razões do seu êxito. Ao propugnar por um retorno ao “deserto”, Cister distanciava-se do mundo e procurava espaços ermos e desabitados para a sua instalação. Este desejo foi ao encontro das necessidades de povoamento e de ocupação territorial por parte dos reinos peninsulares. Daí a fundação de mosteiros em regiões ermas, recentemente conquistadas e de povoamento reduzido. A fundação da principal casa cisterciense em Portugal, Alcobaça, é um exemplo desse esforço.»
Hermínia Vasconcelos Vilar, História Religiosa de Portugal (vol. I)


Há uma relação direta entre a prosperidade económica e a ação cultural dos monges de Alcobaça, que possuíam uma rica livraria, com muitos livros produzidos no scriptorium de Alcobaça.




Alcobaça tornou-se um dos maiores centros de cultura monástica medieval, desenvolvendo uma importante ação educativa, e assumindo, também, um grande papel assistencial.

«(…) Cister foi uma das mais destacadas instituições religiosas da história nacional, moldando mentalidades, animando cultural e educacionalmente, arroteando terras, explorando, produzindo, como pioneiros de povoamento, entre outras realizações.»
Vítor Gomes Teixeira, Os Cistercienses e a sua rede de mosteiros

in O Esplendor da Austeridade

Dos primeiros mosteiros cistercienses (anteriormente beneditinos, de obediência a Cluny)...

Mosteiro de S. Cristóvão de Lafões (atualmente unidade hoteleira).
Terá sido o primeiro, em Portugal, a adotar a regra de Cister
S. João de Tarouca
Mosteiro de Santa Maria de Salzedas


Sem comentários:

Enviar um comentário