H

H
A imagem faz parte de um livro publicado no ano de 1647, por J. Blaeu (um importante cartógrafo holandês), em que está desenhado um conjunto de mapas do nordeste brasileiro, então ocupado pelos holandeses, decorados com cenas da vida quotidiana. A cena que apresentamos representa uma fazenda brasileira produtora de açúcar, na zona de Pernambuco.

5 de janeiro de 2017

Vidros romanos

Houve alunos do 5.º E que duvidaram da existência de objetos de vidro das épocas fenícia ou romana!
"Como é possível haver peças de vidro que não se partiram?"
Prometi provas!...

O Museu Cidade de Ammaia apresenta esta belíssima coleção de vidros romanos.





É quase certo que na cidade de Ammaia havia fabrico de recipientes de vidro.
Segundo informação do Museu, a colecção conta com 31 recipientes inteiros e 5 quase completos. «Pode ser considerada uma das melhores coleções de vidros, não porque a qualidade do vidro seja excecional, mas pelo seu estado de conservação, a que não devem ser alheias as características dos solos que envolvem a Ammaia, de origem granítica e naturalmente ácidos, sendo por isso favorável à preservação do vidro.»

Destaque para este jarro (séculos II - III), uma "peça de luxo", que deve ter sido encontrada numa sepultura. Por isso, o seu excelente estado de conservação.




Sem comentários:

Enviar um comentário